E-mail: estas frases também o deixam à beira de um ataque de nervos?

Mil pessoas responderam a um questionário da Adobe que pretendia perceber quais as frases que mais irritam os trabalhadores. Identifica-se com algumas delas?

Texto de Alexandra Pedro | Fotografia iStock

«Não tenho a certeza se viu o meu último e-mail» foi a frase eleita pelos funcionários questionados pela Adobe. Mas não pelo bom sentido. Esta é expressão que os trabalhadores menos gostam de receber na caixa do correio eletrónico.

Um estudo da Adobe, empresa que desenvolve programas de computador, e que envolveu mil participantes, mostra quais são as frases que podem criar mais mal-estar dentro da empresa em que trabalha.

Kristin Naragon, diretor de soluções de e-mail da Adobe, explicou em declarações à CNBC que e-mails relativamente simples podem implicar algum desconforto e prejudicar a produtividade e as relações internas da empresa.

há trabalhos que podem ser colocados em risco caso a escolha das palavras para discutir o funcionamento dos mesmos não seja o mais adequado.

«A emoção e a intenção são difíceis de transmitir por e-mail e, por isso, algumas frases podem ser vistas de forma negativa, afetando a produtividade e a cultura [da empresa]», frisou o especialista.

Naragon considera ainda que há trabalhos que podem ser colocados em risco caso a escolha das palavras para discutir o funcionamento dos mesmos não seja o mais adequado. Por vezes, podem ser vistas como críticas ou mensagens agressivas. «Os seus colegas podem acabar por não lhe responder por frustração», acrescentou.

Nesta investigação, os participantes revelaram que na maioria das vezes (72 por cento) a comunicação com os seus colegas é feita via e-mail. No entanto, há frases que preferem não ver. Veja quais na fotogaleria em cima.