Bebé abandonado no lixo. “Está saudável e alimentado”

Bebé abandonado no lixo.
O INEM divulgou nesta quarta-feira uma imagem do momento em que o bebé é socorrido. © INEM

O recém-nascido está agora internado na Maternidade Alfredo da Costa, mas, em “termos clínicos”, não precisará de ficar hospitalizado mais do que 48 horas, disse o responsável da unidade de cuidados intensivos neonatais do Hospital Dona Estefânia.

DN

“Está saudável e alimentado”, mas ainda está internado na Maternidade Alfredo da Costa (MAC) o bebé, do sexo masculino, que foi encontrado, na terça-feira, num caixote do lixo na Avenida Infante D. Henrique, em Lisboa, junto à discoteca Lux-Frágil.

A atualização do estado de saúde do recém-nascido foi divulgada esta quinta-feira por Daniel Virella, responsável da unidade de cuidados intensivos neonatais do Hospital Dona Estefânia.

“Em termos clínicos não precisará de mais de 48 horas [no hospital] por segurança”, explicou o médico sobre o bebé que ainda se mantém no hospital por prevenção.

Em conferência de imprensa no Hospital Dona Estefânia, em Lisboa, Daniel Virella fez questão de elogiar a equipa do INEM que transportou o bebé da zona onde foi encontrado para o hospital “Devo dizer que foi feito um bom trabalho pela equipa do VMER, do transporte de emergência, que aqueceu, estabilizou e hidratou a criança. Nós só tivemos que completar o trabalho que foi iniciado”, destacou.

Quando o recém-nascido chegou, o “trabalho mais complexo foi dar-lhe um banho”. “Não houve nada de muito mais grave do que isso. Obviamente que foram feitas as análises e os exames complementares que são habituais numa situação destas . De resto são basicamente cuidados de prevenção”, especificou o médico.

Em atualização