«O meu filho tem os dentes amarelos. Há tratamentos de branqueamento para crianças?»

lavar os dentes, criança, escova, higiene oral

Temos consultório aberto 24 horas por dia, todos os dias, pelo e-mail consultorio@dnlife.pt. Envie as suas dúvidas sobre saúde e bem-estar, físico e mental. Nós respondemos, com a ajuda de médicos e especialistas.

O médico dentista João Paulo Tondela responde a uma questão relacionada com problemas de dentição nas crianças.

O meu filho tem 6 anos e começa a ficar com os dentes um pouco amarelos. Lava os dentes três vezes por dia, mas já lhe têm surgido cáries. Evito que coma doces, mas mesmo assim noto a dentição muito amarelada. Há tratamentos de branqueamento adequados para estas idades?

Aos 6 anos, começam a crescer os primeiros dentes definitivos, que naturalmente são mais amarelos do que a dentição de «leite». É importante também alterar os hábitos alimentares, restringindo a quantidade e a diversidade de alimentos açucarados (bebidas açucaradas e gaseificadas, leite, bolachas, gomas ou chocolates), bem como ter hábitos de higiene oral adequados. Os tratamentos ideais nesta idade (6 anos) são os preventivos e conservadores. Deve ter uma consulta de rastreio de cáries o mais precocemente possível.

Existem algumas cáries, tanto em dentição decídua (de «leite») como definitiva, que devem ser tratadas de imediato. Deste modo, evita a perda de estrutura dentária acentuada e possíveis lesões que afetem a polpa dentária (o «nervo» dentário).

O médico dentista pode também despistar outras patologias que se relacionam com o aparecimento de cáries, como a diabetes ou amelogenesis imperfecta). O especialista pode ajudar ainda na instrução e na motivação para uma adequada higiene oral com escovagem e uso do fio dentário.

A pasta de dentes adequada à idade da criança com quantidade recomendada de flúor e uma escova de dimensão certa (por vezes com a cabeça mais pequena) vão permitir que ela faça uma escovagem mais sistematizada – em todos os dentes e com o tempo adequado. Deve também assegurar que a criança não ingere qualquer alimento após a última escovagem do dia.


Veja também:

«Os meus filhos continuam a não acordar à noite sozinhos para ir à casa de banho»