Neta de Robert Kennedy morre aos 22 anos. Sentia uma “pedra pesada no peito”

Saoirse Kennedy Hill © Facebook

Família Kennedy volta a ser assombrada por uma morte prematura.

Saoirse Kennedy Hill, neta de Robert Kennedy, foi encontrada morta esta quinta-feira na residência da família em Cape Cod, Massachussets. De acordo com o The New York Times , a jovem de 22 anos terá morrido de “aparente overdose”.

“Os nossos corações estão devastados pela perda da nossa amada Saoirse. A sua vida foi cheia de esperança e amor”, escreveu a família, num comunicado que cita também Ethel Kennedy, de 91 anos, viúva de Robert Kennedy: “O mundo está um bocadinho menos bonito hoje”.

Saoirse Kennedy Hill encontrava-se em casa da avó, a mítica residência da família Kennedy em Cape Cod. Na tarde de quinta-feira foram chamados os serviços de emergência. Uma situação já confirmada pelas autoridades, que não revelaram nem a identidade, nem as circunstâncias da morte, que está agora “em investigação”.

Em 2016, Saoirse tornou público que sofria de depressão, falando em surtos de “profunda tristeza” que sentia como uma “pedra pesada no peito”. “Estará comigo pelo resto da minha vida”, escreveu no jornal da escola.

A jovem era filha de Paul Hill e Courtney Kennedy Hill, a quinta dos 11 filhos de Robert e Ethel Kennedy. A sua morte junta-se a uma longa lista de tragédias entre os Kennedy, de tal forma que criou o mito de uma família amaldiçoada.

Os casos mais conhecidos são o do presidente John F. Kennedy (46 anos) e do irmão, o senador Robert Kennedy (42 anos), ambos assassinados na década de 1960. Um terceiro irmão, Joseph P. Kennedy Junior tinha morrido numa operação aérea secreta, na II Guerra Mundial, aos 29 anos. E uma irmã, Kathleen Kennedy, morreu igualmente num acidente aéreo, em 1948, com 28 anos.

O quarto filho do presidente norte-americano, nascido prematuro, morreu com apenas 39 horas de vida, vítima de síndrome da angústia respiratória do recém-nascido, três meses antes do assassinato do pai.

David Anthony Kennedy, filho de Robert e Ethel Kennedy (e tio de Saoirse), que sofria de dependência de álcool e drogas, foi encontrado morto, num hotel na Florida, em 1984.

John F. Kennedy Jr, filho do antigo presidente norte-americano, morreu em 1999, aos 38 anos, quando o avião em que seguia se despenhou no Atlântico, um acidente em que morreram também a mulher e a cunhada.